sexta-feira, 13 de março de 2009

folga da folga

5 minutos de fuga do trabalho.
Sim, sexta à noite e eu ainda na jornada.
Difícil de acreditar, por vários motivos.

O primeiro é que deveríamos estar em crise.
Ou ao menos é o que dizem por aí, mas não parece verdade, mal consigo dormir com a quantidade de trabalho das últimas semanas.

O segundo, é que há alguns dias minha atenção andava baixa, minha vontade tinha fugido do país e o cansaço tomava conta do ambiente.
Hoje ele continua aqui, vendo o jornal nacional comigo, mas quieto, na dele, nada de ficar me arrastando do computador ou minando minhas tentativas de colocar a mão na massa.
A vontade voltou resignada, arrependida. E a atenção, excepcionalmente hoje, continua baixa, mas acho que sextas feiras à noite têm essa propriedade sobre todas as pessoas.

Resumindo: estou feliz. Ou talvez feliz não seja exatamente a palavra, mas ainda assim, estou bem, conseguindo dar conta melhor da minha vida, de volta aos blogs, de volta à leitura (montanha russa!), e se tudo der certo, resgatando um pouco da auto-estima que ficou mofando no armário faz tempo.

Pra quem ainda passa por aqui (se é que sobrou alguém), vejo vocês em breve. Vou dar conta de ler os blogs que eu frequentava e que a apatia impediu nos últimos tempos. Vou retomar alguns hábitos queridos e reciclar outros nem tão úteis.

E vamos pro looping!

Um comentário:

Léo Tavares disse...

Ah, eu também penso que estou bem. Ou ao menos melhor do que antes, caminhando rumo a alguma coisa boa, acredito...Depois de muito tempo de apatia, assim como você. Bom, também vou retornar minhas leituras antigas. Que bom que vc comentou no meu blog, isso fez com que eu viesse até aqui novamente.
Respondendo a sua pergunta, sim, claro que pensei em publicar algumas coisas, mas nem sei como é que se consegue isso, hehe.
mas agradeço a gentileza.
Volto sempre e vc, volte sempre!
:-)
abraço