quarta-feira, 17 de outubro de 2007

Todos os medos

ainda escrevo um conto sobre isso: abrir mão de todos os medos.

será possível?
cheguei a listar quais posso perceber agora. são poucos. alguns não vejo há tempos. o maior deles nem é puro, mas uma mescla com apego.

estranho pensar nisso, faz muitos momentos que já vivi parecerem completamente insignificantes.

será isso a vida? essa capacidade que temos de olhar pra trás e ver tudo de um ângulo tão grotesco que sequer nos reconhecemos?

ainda escrevo um conto sobre isso...

7 comentários:

Bya Magoliver disse...

Uma vez eu tava com medo de uma situação e comentei com alguém...
No dia seguinte o que eu temia aconteceu...
É DE SE ESPANTAR...
Os medos são pra ficarem guardados, eu acho... Porque se pronunciados, são como profecias...
"Maior medo!"

Thor disse...

Pra mim é diferente. Meus medos são todos grandes demais, e em geral são certeza apenas sem data. Por isso disse que são misturados com apego. Mas estou trabalhando nisso =)

Bya Magoliver disse...

É... cade um sente o medo de sua própria maneira.. assim como cada um ama se sua própria maneira.. faz sentido?

Obrigada pela visita tbm...
E vc tem toda razão... ou é um passo em direção ao paraíso ou à perdição! O meu me levou ao paraíso que acabou em perdição.. rsrsrs

Beijos.

quebrando ovos disse...

Certezas apenas sem data, apego. Pareceu meio misterioso pra mim. É claro que medos são muito íntimos, afinal podem ser encarados como fraquezas.
Acho que pensando bem apego causa medo, na origem, na maior parte das vezes o medo de perder. Talvez forças opostas e inevitáveis, consequência do ter em algumas circunstâncias e do ser em outras...

Thor disse...

Phil, quanto tempo! Me referia ao apego pelas pessoas, não exatamente por bens. Sabe aquele medo de pensar em não ter mais mãe ou pai, ou mesmo outras pessoas queridas... enfim, se encaixa em ambos padrões - medo e apego. Acho que dos meus medos só restou esse...

quebrando ovos disse...

Opa, pensei do ter como ter pessoas, situacoes, e menos em bens mesmo. E ser por conta dessa sua percepcao de que ao olhar pra tras pode-se notar um ser tao diverso que nem se reconhece... As vezes sinto medo de deixar de ser algo que gosto...
E isso,

abs...

Bya disse...

É... o pior medo é o medo de perder, eu acho.
Seja lá o que for.
E a pior coisa é quando ese medo se torna concretizado...
Fica aquela sensação de... Sei lá!
É muito complicado e dá medo só de pensar...